Aeroportos do Paraná devem receber novos equipamentos até 2012

Paraná-online
Publicado: 11/06/2011 – 10:13

Aeroportos do Paraná devem receber novos equipamentos até 2012
Luciana Cristo

Para minimizar os impactos na operação dos aviões, causados pela formação de nevoeiros na Região Sul, a Aeronáutica promete a instalação de novos equipamentos de auxílio à navegação aérea até o ano que vem para alguns aeroportos. No Paraná, os aparelhos estão previstos para Curitiba, Bacacheri e Foz do Iguaçu.

O Aeroporto do Bacacheri, em Curitiba, deve ganhar o equipamento chamado NDB, que transmite sinais não direcionais no espaço e que permite ao piloto determinar o seu rumo para a estação de solo. Já no Aeroporto Internacional Afonso Pena, em São José dos Pinhais (Região Metropolitana de Curitiba) deve começar a funcionar um ILS categoria II, sistema de aproximação por precisão, que garante o pouco ao piloto mesmo com menor visibilidade. No caso do ILS categoria II, é possível operar com um teto entre 30 e 60 metros e alcance visual da pista superior a 350 metros.

No entanto, não basta ter o equipamento no aeroporto. As companhias aéreas também precisam fazer o investimento e instalar o aparelho correlato em suas aeronaves, além de treinar suas equipes.

Para o Aeroporto de Foz do Iguaçu, na região oeste do Paraná, está previsto um novo NDB, assim como no Bacacheri, além de um VOR Doppler, que auxilia a rádio-navegação de curta distância que permite ao piloto a determinação da sua posição, orientação em rota e execução de procedimentos de aproximação para pouso. Diferente do VOR tradicional, o Doppler é utilizado em áreas com obstáculos mais altos.

Foz também deve começar a contar com um aparelho DME, que fornece a distância do avião para uma estação em solo, como por exemplo, a distância que uma aeronave está do aeroporto de destino.

Recommended Posts

Start typing and press Enter to search