Tribunal chileno acolhe queixa da Pal

Valor Econômico

Tribunal chileno acolhe queixa da Pal
Alberto Komatsu | De São Paulo
11/08/2011

O Tribunal Constitucional do Chile, órgão responsável pelo cumprimento da legislação chilena, acolheu ontem uma queixa da companhia aérea chilena Pal Airlines, rival da LAN Airlines no mercado chileno, contra a criação da Latam, fusão entre a LAN e a TAM sob análise de autoridades antitruste. Segundo o tribunal, a investigação em curso pelo Tribunal de Defensa de la Libre Competencia (TDLC) não será suspensa.

A PAL Airlines alega que um acordo firmado entre a LAN e a Fiscalía Nacional Econômica para obter a aprovação do órgão antitruste chileno seria inconstitucional. A LAN espera que o tribunal se pronuncie sobre o assunto até o fim de agosto.

No Brasil, o presidente da holding TAM S.A., controladora da TAM Linhas Aéreas, Marco Antonio Bologna, afirmou ontem estar confiante na implementação da Latam. A negociação foi anunciada em agosto do ano passado e LAN e TAM esperavam concluí-la até o fim deste ano, mas Bologna afirmou que o prazo para a conclusão do negócio deverá se estender até o primeiro trimestre do ano que vem.

“Estamos bem confiantes que ao final tudo isso será aprovado. A Justiça, todas as cortes de qualquer país são soberanas em suas decisões, mas entendemos que elas vão julgar, analisar e entender que nossa proposta é de criação de valor aos acionistas, aos funcionários e ao consumidor”, afirmou Bologna. (Com Reuters)

Recommended Posts

Start typing and press Enter to search