OAB-SP manifesta-se a respeito da greve dos servidores do Judiciário

Últimas Notícias – 23/11/2011
www.trtsp.jus.br

OAB-SP manifesta-se a respeito da greve dos servidores do Judiciário

A Ordem dos Advogados do Brasil (Seção de São Paulo) divulgou nesta quarta-feira (23), em seu site, uma notícia em que apoia a decisão do presidente do TRT da 2ª Região, desembargador Nelson Nazar, em relação ao recente corte de ponto dos servidores em greve.

Confira abaixo a íntegra do texto, encaminhado ao Tribunal pelo presidente da Comissão de Direito Trabalhista da OAB-SP, advogado Eli Alves da Silva:

A OAB SP apoia a decisão do presidente do Tribunal Regional do Trabalho – 2ª Região, desembargador Nelson Nazar, de cortar o ponto dos servidores em greve. “Certamente, os pleitos por um plano de cargos e carreira e melhores condições de trabalho por parte dos funcionários da Justiça Trabalhista são justos, mas a paralisação parcial de grande parte das Varas tem prejudicado a Advocacia e o jurisdicionado, e com isso não concordamos”, afirma o presidente da OAB SP, Luiz Flávio Borges D’Urso.

O presidente D’Urso, juntamente com o presidente da Comissão de Direito Trabalhista da OAB SP, Eli Alves da Silva, colocaram-se à disposição para auxiliar nas negociações entre a cúpula do TRT-2 e as entidades representativas dos servidores na busca de uma solução.

“A medida de cortar o ponto dos grevistas já foi tomada pelo TRT-15. O presidente Nazar afirmou estar aberto ao diálogo com os servidores do TRT-2. Acredito numa saída que contemple o interesse dos dois lados”, diz Eli, que participou nessa terça-feira (22/11) de reunião no TRT-2 com Nelson Nazar, acompanhado do advogado Renato Rua.

Eli Alves da Silva também ressalta que há outra tratativa em andamento, da presidência do TRT-2 com o Banco do Brasil e a Caixa Econômica Federal para viabilizar imóvel próximo ao Fórum da Barra Funda a instalação de novas 40 Varas, uma vez que não há espaço no prédio do fórum Rui Barbosa.

Recommended Posts

Start typing and press Enter to search