Cade concede novo prazo para TAM e LAN

Valor Econômico
10/02/2012

Cade concede novo prazo para TAM e LAN
Por Juliano Basile | De Brasília

O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) determinou um novo prazo para o cumprimento das condições impostas à fusão entre a TAM e a LAN. Segundo o órgão antitruste, as condições serão cumpridas a partir da oferta pública de permuta de ações das companhias. A decisão foi tomada após um recurso das empresas.

Em 14 de dezembro, o Cade determinou que as companhias devem fazer permutas com empresas interessadas em atuar em dois pares de “slots” diários no Aeroporto de Guarulhos, na rota São Paulo-Santiago. Além disso, as companhias terão de optar por apenas uma das alianças globais da qual participam atualmente. Essa decisão seria aplicada em 90 dias.

Após o recurso das empresas, foi dado um novo prazo para o cumprimento dessas obrigações. “Os prazos deverão ser contados a partir do momento em que a operação for, de fato, concretizada”, explicou o conselheiro Olavo Chinaglia, relator do processo e presidente do Cade.

Segundo ele, as companhias não têm como coordenar suas operações na rota São Paulo-Santiago antes da realização da oferta pública. Por isso, o órgão antitruste não poderia exigir que elas cumpram a decisão antes da finalização dessa oferta. “No momento, as empresas ainda são independentes”, enfatizou Chinaglia.

Por isso, os 90 dias só vão ser contados depois da oferta pública das ações da TAM e da LAN.

Recommended Posts

Start typing and press Enter to search