Notícias Vasp – 311 – Mais uma do Banco Rural

São Paulo, 15 de março de 2012.

Prezados Amigos e Clientes,

Numa manobra a “La Canhedo”, o Banco Rural após ter conseguido uma liminar no TST  suspendendo a execução de mais de R$ 110.000.000,00 (cento e dez milhões de Reais) contra ele até o julgamento do AIRR (que está aguardando pauta), foi ao STJ escondendo a verdade e distorcendo os fatos  para obter outra liminar para suspender a execução (sem avisar que tinha conseguido uma lá).

A liminar foi concedida  através do CC 120.972-DF .
Essa manobra já foi executada pelo Canhedo em março de 2010, quando  jogou o STJ contra o TST (no caso da autorização da venda da Fazenda da Piratininga).

Vocês acompanharam o que aconteceu através de nossos e-mails e artigos do site desde fevereiro de 2010 até o desfecho  com a venda da Fazenda em 15.12.2010.
O grupo Canhedo tentou jogar o TST contra o STJ também no STF, mas esta estratégia foi rejeitada pela decisão do Ministro Dias Toffoli relator do CC 7689-DF.

Senão fosse a pronta intervenção do Sindicato dos Aeroviários do Estado de São Paulo, através das brilhantes defesas redigidas pelo pelo Dr. Francisco Gonçalves Martins e de minha atuação praticamente diária em Brasília, o Grupo Canhedo teria obtido sucesso em suas manobras e fazenda nunca teria sido vendida.

Adotando a mesma tática e modo de operação, o Banco Rural tenta se evadir da sua responsabilidade e mais uma vez o Sindicato dos Aeroviários do Estado de São Paulo, através da brilhante defesa redigida pelo pelo Dr. Francisco Gonçalves Martins e de minha atuação praticamente diária em Brasília estamos lutando para anular mais este ato nocivo praticado pelo Banco Rural contra todos os ex-trabalhadores na Vasp pelo Brasil..

Há de se ressaltar que o Banco Rural deliberadamente omitiu que a matéria já tinha sido objeto do CC 90.015 de Relatoria do Ministro Fernando Gonçalves que não conheceu daquele Conflito.

O mesmo transitou em julgado em setembro de 2008 sem que Banco através do Rural Agroinvest interpusesse qualquer recurso.
Segue anexo a decisão liminar do STJ que suspendeu a execução da Vara Vasp.

Tão logo tenhamos novidades avisaremos à todos.

Atenciosamente,

Carlos Duque Estrada

 

CC 120972

Recommended Posts

Start typing and press Enter to search