Synergy deverá comprar o grupo TAP

19/10/2012 13h18
Synergy deverá comprar o grupo TAP
Valor OnLine

Único candidato a participar da privatização da TAP, o grupo Synergy, do empresário German Efromovich, deverá adquirir todas as empresas que integram o grupo TAP, ao todo sete, informou a companhia aérea portuguesa, por meio do seu porta-voz, Antonio Monteiro.

De acordo com ele, nas próximas semanas o Synergy vai avaliar todas as informações sobre a TAP, principalmente as financeiras, e estima que até o fim de março deverá apresentar a sua proposta final. Segundo Monteiro, esse prazo está em linha com a intenção do governo português de concluir a privatização da TAP ainda no início do ano que vem.

O Synergy, controlador da companhia aérea Avianca-Taca e da Avianca Brasil, foi o único investidor que restou de um total de 13 potenciais investidores. Segundo a imprensa portuguesa, o Synergy pode assumir a totalidade das dívidas da TAP, de cerca de 1 bilhão de euros, em 2011, e tem interesse especial pela TAP Manutenção e Engenharia (TAP ME), antiga Varig Engenharia e Manutenção (VEM), no Brasil.

De acordo com o edital de privatização da TAP, apresentado ontem, o governo português tem o direito de preferência para recomprar a TAP, caso o futuro comprador queira negociar a companhia aérea portuguesa no futuro.

Além da TAP ME, integram o grupo TAP a Cateringpor, de refeições de bordo, a Lojas Francas de Portugal (LFP), do segmento de ‘duty free’ em aeroportos e a bordo de aviões, a Groundforce, de apoio aeroportuário em pátios de aviões, a companhia aérea regional Portugalia, a Megasis, de tecnologia, e a UCS, de planos de saúde para funcionários das empresas do grupo.

 

Recommended Posts

Start typing and press Enter to search