Notícias Varig – 113 – Deloitte afirma que não teve ingerência na gestão da Varig

Globo
Sábado 12.1.2013

A Deloitte, empresa de auditoria que atuou na recuperação judicial da Varig, informou que não teve ingerência sobre a gestão da empresa nos cinco anos em que prestou o serviço à companhia aérea. O nome da Deloitte foi citado em reportagem publicada ontem, pelo GLOBO, sobre o processo de recuperação judicial e de falência da Varig, cuja dívida cresceu, nesse período, de R$ 7 bilhões para R$ 18 bilhões. Entre 2005 e 2009, a Deloitte faturou R$ 8,4 milhões em remuneração.

Em nota de esclarecimento, a empresa alegou que, como administradora judicial no processo de recuperação da Varig de 2005 a 2009, nomeada pela Justiça, teve o papel de “acompanhar o processo de recuperação judicial, funcionando como auxiliar qualificado do Judiciário, não tendo nenhuma ingerência sobre a gestão da empresa”.

A nota da Deloitte informou ainda que “o trabalho como administradora judicial foi encerrado em novembro de 2009, antes da decretação da falência da Varig”.

Recommended Posts

Start typing and press Enter to search