Sem operar desde 2010, TAF perde concessão

Valor Econômico
07/02/2013

Por Alberto Komatsu | De São Paulo

A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) publicou ontem, no Diário Oficial da União, a caducidade da concessão da companhia aérea TAF Linhas Aéreas, originária de Fortaleza. Com isso, a TAF torna-se a oitava companhia aérea brasileira a perder sua concessão desde 2009, segundo dados da Anac.

A TAF foi fundada em 1957 como Táxi Aéreo Fortaleza. Em 1992, a TAF operou linhas da Rede Postal Noturna, dos Correios. A companhia passou a operar voos regulares de passageiros em meados de 1998. Em janeiro de 2010 a TAF parou de operar.

Segundo a Anac, caso a TAF queira operar novamente voos regulares terá de se passar por todas as etapas para obter uma nova concessão. “Existe a possibilidade de buscar a recertificação, mas só se houver um aporte. Alguns investidores estão em contato conosco”, disse Ariston Pessoa Filho, um dos acionistas da companhia. De acordo com ele, uma eventual busca por uma nova concessão não aconteceria em 2013, já que esse processo “pode levar um ano”.

Ariston Filho afirmou que a TAF parou de operar “por causa da pouca demanda como resultado das crises econômicas de 2008 e 2009”. No auge de sua operação, a TAF tinha 10 aviões e voos para 10 capitais brasileiras e até para a Guiana Francesa.

Recommended Posts

Start typing and press Enter to search