Airbus desiste de baterias de lítio no A350 e volta ao cádmio

G1
Atualizado em 15/02/2013 08h21France Presse

PARIS, 15 Fev 2013 (AFP) – A Airbus desistiu de equipar o futuro avião A350 com baterias de lítio depois dos incidentes registrados nos 787 da rival americana Boeing, anunciou à AFP uma porta-voz da empresa, antes de afirmar que isto não afetará o calendário.

‘Hoje, a origem dos dois incidentes com baterias de lítio continua sem explicação. A Airbus decidiu ativar o plano B e voltar às baterias de níquel cádmio’, declarou Marcella Muratore.

Recommended Posts

Start typing and press Enter to search