Aéreas vão ter que dar explicações sobre alto preços na Câmara

Mercado&Eventos

01/04 – 16:21

Em sua reunião ordinária da última quarta-feira, dia 27, a Comissão de Fiscalização Financeira e Controle da Câmara dos Deputados, presidida pelo Deputado Edinho Bez (PMDB/SC), aprovou requerimentos de autorias dos Deputados João Pizzolatti (PP/SC) e Edio Lopes (PMDB/RR), que convidam os diretores-presidentes das empresas aéreas que operam no Brasil, para participar de audiência pública com a finalidade de explicar e esclarecer sobre os altos preços cobrados em bilhetes, multas abusivas por remarcações ou reembolsos de passagens.

Os convites serão encaminhados aos diretores presidentes das empresas Avianca no Brasil, Azul, Gol, Passaredo e Tam. O requerimento nº 420/13, do Deputado Edio Lopes (PMDB/RR), solicita ainda a presença, nessa audiência, de Marcelo Pacheco dos Guaranys, presidente da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), como representante do governo na relação de gestão do sistema de transportes aéreo.

Segundo o deputado Edio Lopes, o que está acontecendo no país é um abuso com o consumidor das duas principais empresas aéreas (Gol e Tam), o cidadão brasileiro não aguenta mais essa situação, principalmente entre as cidades que não têm muitas disponibilidades de destinos por parte das empresas. “É uma situação de absoluto desprezo com o direito do consumidor, que é obrigado a depender dessas empresas para resolver problemas em outros lugares. A exemplo, um bilhete de Boa Vista (RR) para Brasília custar quase R$ 9 mil reais, imagine um cidadão que tenha que resolver algo em tribunais em Brasília onde os prazos são curtos”, desabafou o deputado.

Para o Deputado João Pizzolatti (PP/SC) fica mais barato viajar para qualquer parte do mundo que se deslocar dentro do Brasil.

Rafael Massadar

Recommended Posts

Start typing and press Enter to search