Transporte aéreo cai 1,4% em março no Brasil, afirma associação internacional

Estado de Minas
01/05/2013 10:54

Agência Estado

O Brasil teve o pior desempenho entre as grandes economias do mundo no mercado de transporte aéreo doméstico em março. Levantamento mensal da Associação Internacional de Transporte Aéreo (Iata, na sigla em inglês) mostra que o total de passageiros transportados no País caiu 1,4% em março na comparação com igual mês do ano passado. O desempenho foi o pior entre os mercados acompanhados pela Iata – em segundo, o Japão caiu 1,1% – e ocorreu na tendência contrária do mercado global, que, na média, cresceu 5,7% na mesma base de comparação.

Segundo a Iata, a contração do mercado brasileiro não é nova e acontece após a queda de 4,4% no número de passageiros transportados em fevereiro. “No Brasil, a queda é resultado dos significativos cortes de capacidade das companhias aéreas, que têm sido pressionadas pela menor lucratividade em meio a um crescimento mais lento que o esperado da economia”, diz o relatório. Do outro lado do ranking, o número de passageiros cresceu 16,6% na China e 7% na Índia em março.

Com a queda de 8,9% no total de assentos ofertados em março na comparação anual, a taxa de ocupação das rotas domésticas no Brasil cresceu mais de 5 pontos. Isso quer dizer que a ocupação dos aviões aumentou de 65,2% em março de 2012 para 70,5% em março de 2013.

Mesmo com essa reação, o Brasil ainda detém a segunda pior taxa de ocupação e está melhor apenas que o Japão, onde os aviões têm 65,8% dos assentos ocupadas. As melhores taxas de ocupação estão nos Estados Unidos (84,7%) e China (83,6%).

Recommended Posts

Start typing and press Enter to search