Claudia Sender é nova presidente da TAM

O Estado de S.Paulo
SEXTA-FEIRA, 24 DE MAIO DE 2013

Executiva substituirá Marco Antonio Bologna no comando da empresa aérea; ele segue na presidência da holding, concentrado na fusão com a LAN
Marina Gazzoni

DIVULGAÇÃO

13_05_24edsp001Pioneira.
Claudia é a 1ª mulher a presidir aérea brasileira

A TAM anunciou ontem que a executiva Claudia Sender, de 38 anos, será a nova presidente da companhia. Com a mudança, a TAM volta a ter um presidente responsável exclusivamente pela empresa. Desde fevereiro de 2012, o presidente da holding TAM S.A., Marco Antonio Bologna, acumulava também o cargo de presidente da TAM Linhas Aéreas. Claudia será a primeira mulher a comandar uma empresa aérea brasileira.

Bologna disse, em comunicado à imprensa, que o atual cenário da aviação civil brasileira traz desafios e oportunidades para as companhias do setor, que exigem um executivo focado no dia a dia da operação. “Questões como o incentivo à aviação regional, o aumento de capacidade dos aeroportos, a dinâmica concorrencial e os grandes eventos que o Brasil vai receber neste e nos próximos anos exigem foco no dia a dia da companhia, que estará a cargo de Claudia a partir de hoje”, afirmou.

Ao deixar a presidência da TAM Linhas Aéreas, Bologna se concentrará na consolidação da fusão de LAN e TAM, oficializada em 22 de junho de 2012. A TAM S.A. é empresa controladora da TAM Linhas Aéreas, da TAM Paraguai e da Multiplus.

Trajetória. Claudia chegou à TAM em dezembro de 2011 como vice-presidente comercial e de marketing. Após a criação da Latam, as áreas da empresa foram reestruturadas e Claudia assumiu a vice-presidência da unidade de negócios de voos domésticos do Brasil. A executiva se destacou dentro da TAM por conseguir executar um plano de segmentação de tarifas, que basicamente consiste em implementar um sistema de vendas que identifique e ofereça passagens mais baratas aos clientes que viajam a lazer e mais caras aos que viajam a negócios. Com essa estratégia comercial, a empresa conseguiu elevar sua taxa de ocupação dos voos domésticos de 62,7% para 73%entre março de 2012 e março de 2013 e ganhar um ponto porcentual de mercado mesmo com uma redução de 11% na oferta de assentos no período.

Claudia é formada em Engenharia Química na Universidade de São Paulo (USP) e fez MBA na Harvard Business School. Antes de entrar na TAM, ela foi vice-presidente de Marketing da fabricante de eletrodomésticos Whirlpool na América Latina e consultora da Bain&Company.

O último executivo a se dedicar exclusivamente à presidência da TAM Linhas Aéreas foi Líbano Barroso. Ele deixou a função em fevereiro do ano passado para ser CFO (chief financial officer) da Latam, mas saiu da empresa logo depois, em setembro.

● Desafio
Claudia Sender assume o comando da companhia aérea líder no Brasil em meio a uma crise na aviação. As empresas vêm enxugando a oferta de voos para elevar a rentabilidade da operação.

Recommended Posts

Start typing and press Enter to search