Anac define horários de voos em Congonhas até dia 15

O Estado de S.Paulo
27 de junho de 2013 | 15h 13

RENAN CARREIRA E LUCIANA COLLET
Agencia Estado

SÃO PAULO – O diretor-presidente da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), Marcelo Pacheco dos Guaranys, disse nesta quinta-feira, 27, que deve fechar na primeira quinzena do próximo mês o relatório sobre a distribuição de slots (horários de pousos e decolagens) no Aeroporto de Congonhas, na zona sul da capital paulista. O prazo inicial era entregar no fim deste mês.

“Esperamos fechar o relatório no começo de julho para podermos fazer a discussão (sobre as novas regras)”. Os novos procedimentos para o uso de slots devem tornar mais rígidas as exigências para as companhias aéreas manterem seus espaços nos aeroportos.

Guaranys afirmou que o processo de discussão deve ser rápido. “A SAC (Secretaria de Aviação Civil) também está avaliando a política de slots, então tem de ver se tem algo da regra deles que é preciso alterar com a nossa”, disse, em São Paulo, durante o evento Aero Brasil 2013, sobre setor aeroportuário.

Ele afirmou, que, a partir daí depende do calendário. O diretor-presidente da Anac disse que todas as companhias aéreas do mundo seguem o calendário de planejamento da Iata, que se divide em dois períodos: de outubro a março e de abril a setembro. “Você afere a pontualidade do período anterior para comparar com o período posterior. Nossa ideia é fazer a publicação para aferir estas condições o mais rápido possível.”

O executivo disse ainda que nas próximas duas semanas deve sair um relatório sobre a ampliação de voos em Congonhas. Por enquanto, segundo ele, ainda estão sendo feitos estudos.

Quanto à concessão dos aeroportos de Galeão (RJ) e Confins (MG), com leilões previstos para o segundo semestre, Guaranys lembrou a regra em vigor: quem venceu licitações anteriores não poderá gerenciar os terminais da nova concorrência a fim de promover a competitividade. Segundo ele há um “grande grau de interesse” para as novas concessões, vindo de fundos de investimentos, construtoras e operadoras de aeroportos.

Recommended Posts

Start typing and press Enter to search