Empresa aérea da Austrália leva título de mais segura do mundo em 2013

G1
09/01/2014 13h23

Em ranking mundial, Qantas foi a mais bem avaliada entre 448 companhias.
Segundo levantamento, 2013 foi o melhor ano para voar desde 1945.

Do G1, em São Paulo

 

Aeronave da Qantas decola de Sidney, na Austrália (Foto: Rick Rycroft / AP)

Aeronave da Qantas decola de Sidney, na Austrália
(Foto: Rick Rycroft / AP)

A companhia aérea australiana Qantas foi considerada a mais segura do mundo em 2013 por um site especializado em avaliar a segurança e os serviços das empresas do ramo.
A aérea australiana, que não registra nenhuma fatalidade desde 1951, ficou no topo do ranking anual da AirlineRatings.com, que avaliou 448 companhias do mundo todo.

O site leva em conta informações colhidas com governos locais, associações do setor e com as próprias empresas. O sistema de pontuação vai de uma a sete estrelas.

Além da Qantas, ficaram com a pontuação máxima outras 136 companhias – das quais Air New Zealand, All Nippon Airways, Cathay Pacific Airways, Emirates, Etihad Airways, Eva Air, Royal Jordanian, Singapore Airlines e Virgin Atlantic foram incluídas no top 10 das mais seguras.

Quase metade das empresas analisadas ficaram com apenas 3 estrelas ou menos. As três menos seguras são a Kam Air, do Afeganistão, a Scat, do Cazaquistão, e a Bluewing Airlines, do Surineme, que receberam uma estrela cada uma.

Nenhuma empresa brasileira ficou entre os melhores e os piores colocados. As companhias aéreas TAM, Gol e Azul têm, cada uma, seis estrelas no ranking de segurança da AirlineSafety.

Acidentes do ano
Ainda de acordo com o levantamento, 2013 foi o ano mais seguro para voar desde 1945, com 29 acidentes resultantes em 269 mortes.

O pior acidente registrado no ano foi da Tatarstan Airlines. Em 17 de novembro, um Boeing Boeing 737-500 que havia saído de Moscou e explodiu ao tentar pousar na cidade de Kazan, na Rússia. No acidente, 44 passageiros e seis membros da tripulação morreram.

O site também registra a “escapada mais miraculosa” do ano, quando 304 pessoas saíram com vida de um acidente com um Boeing 777 da Asiana Airlines. O avião rodou após tocar a pista do Aeroporto de San Francisco, enquanto pegava fogo. Três pessoas morreram.

Recommended Posts

Start typing and press Enter to search