Relatório da IATA mostra forte demanda de passageiros no início de 2014

Jornal de Turismo
Quinta, 06 Março 2014 13:52

Os resultados globais de tráfego de passageiros para janeiro anunciados pela Associação Internacional de Transporte Aéreo (IATA) mostram forte aumento da demanda. O total de passageiros-quilômetro transportados (RPK) cresceu 8,0% em relação a janeiro de 2013 – com melhoria de 6,8% em relação a dezembro passado e de 5,2% no ano. A capacidade de janeiro cresceu 6,7%, empurrando a taxa de ocupação até 0,9 ponto porcentual, para 78,1%. “O ano de 2014 está tendo um forte início, com a demanda de viagens acelerando os resultados saudáveis alcançados em 2013 e em linha com o crescimento das economias avançadas e mercados emergentes”, afirma Tony Tyler, diretor-geral e CEO da IATA.

Mercado internacional de passageiros

Em janeiro a demanda internacional de passageiros cresceu 7,8% em comparação com o mesmo período do ano passado, com as companhias aéreas de todas as regiões registrando crescimento, com ganhos mais fortes no Oriente Médio. A capacidade subiu 6,8% e a taxa de ocupação subiu 0,7 ponto porcentual, para 78,3%.

O tráfego das companhias aéreas da América Latina cresceu 4,4% em janeiro em comparação ao mesmo período do ano passado – bem abaixo do aumento de 8,1% alcançado em 2013. Apesar da desaceleração, as perspectivas para o crescimento da demanda permanecem amplamente positivas, pelo robusto desempenho das economias de Colômbia, Peru e Chile, e pela proximidade da demanda a ser gerada pela Copa do Mundo de 2014 no Brasil. A capacidade subiu 2,0% e a taxa de ocupação avançou 1,8 ponto porcentual, para 80,8%.

Demanda doméstica

A demanda de viagens domésticas cresceu 8,2% em janeiro em comparação a um ano atrás, com vários mercados relatando crescimento de dois dígitos. A capacidade interna total foi de 6,5% e a taxa de ocupação subiu 1,2 ponto porcentual, para 77,7%.

O tráfego doméstico cresceu a taxas de dois dígitos em comparação a janeiro do ano anterior na China, no Japão e na Rússia. Dois destaques para o mês são China e Brasil:

A demanda doméstica da China alcançou 20,1%, em comparação com o mesmo período do ano passado, representando de longe a mais elevada de todos os mercados. O calendário do ano novo lunar impactou positivamente no forte crescimento, mas as comparações com resultados de tráfego de dezembro confirmam a sólida expansão chinesa (1,8%), indicando uma força contínua da procura interna. A capacidade doméstica subiu 16,9% em comparação com o mesmo período do ano passado, com o resultado de fator de carga saltando 2,1 pontos porcentuais, para 79,4%.

As companhias aéreas brasileiras apresentaram as maiores taxas de ocupação – 81,5%. A demanda doméstica cresceu 7,9% em janeiro em comparação com o mesmo período de 2013, bem acima da expansão de 5,3% na capacidade. Note-se que o ritmo de janeiro apresentou o maior avanço de todo o mercado nacional em detrimento de todo o crescimento de 2013 (que era de apenas 0,8%).

A economia do Brasil está em uma situação delicada, mas é esperado um impulso na Copa do Mundo, que vai depender muito do transporte aéreo tanto para os visitantes, quanto para as conexões internas para as cidades-sede dos jogos.

A Associação Internacional de Transporte Aéreo (IATA) representa cerca de 240 companhias aéreas de 115 países, compreendendo 84% do tráfego aéreo mundial.

Recommended Posts

Start typing and press Enter to search