Avião da seleção faz voo inaugural, e pintura de 'Osgemeos' ganha elogios

Folha de São Paulo
27/05/2014 22h40

LÍGIA MESQUITA
ENVIADA A BELO HORIZONTE

“Olha, achei interessante, colorido. Mas não conheço esses Osgemeos, não. Me lembrou um pouco aquele outro artista importante que fez aquela obra ‘The Big Apple’, sabe? Romero Britto”, diz o diretor de Trade Marketing Leonardo Cortez ao embarcar no voo inaugural do avião da seleção brasileira, nesta terça-feira (28) no fim da tarde no aeroporto de Confins, em Belo Horizonte.

O Boeing 737-800 da Gol, que transportará a equipe brasileira durante a Copa, foi pintado pelos irmãos Gustavo e Otávio Pandolfo, conhecidos como Osgemeos, famosos internacionalmente pelo trabalho com o grafite, iniciado nas ruas de São Paulo.

Cortez foi um dos únicos a não fotografar a aeronave nem fazer uma selfie quando o ônibus da Infraero que levava ele e vários dos 113 passageiros com destino a São Paulo estacionou para o embarque ao lado da obra de arte voadora. As funcionárias da CVC Turismo Sheila Nascimento e Sueli Romero não hesitaram em sacar o tablet e tirar uma com o avião canarinho ao fundo. “Ficou lindo, quebra o cinza do aeroporto. Não conheço esses artistas, mas gostei muito”, diz Sheila, ainda “emocionada” ao descobrir que voaria no avião da seleção antes mesmo dos jogadores.

Quando a aeronave não estiver fazendo a locomoção da família Scolari, ela atenderá a outros voos comerciais da companhia aérea. E a obra dos artistas não termina junto com a Copa. Durante dois anos o Boeing levará a pintura dos Osgemeos na fuselagem.

Gustavo Pandolfo afirma que a obra não teve como inspiração a Copa nem o futebol.

“O projeto já existia antes de o avião ser da seleção. Quisemos retratar pessoas diferentes, cada uma com sua história”, diz à Folha. “Esse avião vai ser usado por muita gente que vai ter a oportunidade de voar dentro de uma obra de arte. Isso é o que importa pra gente.”

PARCERIA COM RONALDO

Para vender o projeto para a Gol, os artistas contaram com a parceria da 9ine, agência de marketing que tem como um de seus donos o ex-jogador Ronaldo. A empresa possui dois painéis feitos pelos irmãos Pandolfo e eles também pintaram uma parte da casa onde Ronaldo vivia com a ex-mulher Bia Antony em São Paulo.

Tanto a Gol quanto a 9ine não revelam o valor da obra de arte voadora. A galeria Fortes Vilaça, que representa os artistas, disse não poder avaliar o preço desse trabalho comissionado, feito em um suporte inusitado. Recentemente, uma tela de Osgemeos de 2,80 m x 1,90 m foi vendida por US$ 180 mil.

A pedido da Folha, Jones Bergamin, da Bolsa de Arte, agência especializada em leilões de arte moderna e contemporânea, avaliou em R$ 100 mil o metro de fuselagem pintada pelos artistas paulistanos. Somente em comprimento o Boeing 737-800 tem 39,5 m, o que daria R$ 3,950 milhões. Isso tirando as turbinas e os pneus.

A repórter viajou a convite da Gol

Recommended Posts

Start typing and press Enter to search