Guarulhos vira o principal centro de conexão da LAN-TAM

Folha de São Paulo
Terça-feira, 1 de abril de 2014

Grupo reduz voos internacionais no Galeão e concentra em SP rotas para Europa e EUA
MARIANA BARBOSA
DE SÃO PAULO

O grupo Latam elegeu o aeroporto de Guarulhos como seu principal centro de conexões internacionais.

“Tivemos que fazer um ajuste importante após a fusão e decidimos concentrar em um único hub, Guarulhos, e por isso reduzimos as operações no Rio”, afirmou Enrique Cueto, presidente da Latam, holding dona da chilena LAN e da brasileira TAM.

Segundo o empresário, o baixo crescimento do mercado brasileiro nos últimos dois anos, aliado a um excesso de capacidade em algumas rotas internacionais, como na ligação entre Brasil e EUA, tornou a fusão das operações das duas companhias ainda “mais complexa”.

“É impossível competir com estrangeiras, como a Air France, na rota Rio-Paris”, disse Cueto, que veio ao Brasil para a cerimônia de estreia da TAM na aliança oneworld.

Por isso, explica, a Latam passou os últimos dois anos integrando a malha das sete empresas do grupo na América Latina e concentrou em São Paulo os voos de longo curso para Europa e EUA.

Isso significa que, na maioria das vezes, passageiros da LAN em Santiago e de subsidiárias na Argentina, no Equador, na Colômbia, no Peru e no Paraguai farão escala em São Paulo para ir a Nova York ou Londres, por exemplo.

Voos para a região do Pacífico seguem partindo de Santiago (Chile). E o grupo mantém ainda um terceiro centro de conexões, em Lima.

A Latam vai ser a maior empresa a operar no novo terminal de Guarulhos, a ser inaugurado em maio. Mas a mudança só vai acontecer depois da Copa, a partir de agosto.

No mercado doméstico, o presidente da TAM S.A., Marco Antonio Bologna, afirmou que a companhia aguarda as definições do plano de investimentos em aeroportos regionais para decidir se vai ou não investir nesse mercado. “O que nos leva a olhar é sempre a economicidade”, disse.

Recommended Posts

Start typing and press Enter to search