SNA – MP da aviação regional pode criar 5 mil empregos, diz presidente do SNA

5 de novembro de 2014

O presidente do SNA (Sindicato Nacional dos Aeronautas), comandante Adriano Castanho, disse na terça-feira, no Senado, em audiência pública sobre a Medida Provisória 652/14, que cria o programa de desenvolvimento da aviação regional, que a cada aeronave acrescentada à frota brasileira, 100 novos empregos diretos e 300 indiretos são criados.

A comissão mista que analisa a MP reúne-se nesta quarta-feira para apresentação do relatório do senador Flexa Ribeiro (PSDB-PA).

Castanho, acredita que a MP poderia criar mais de 5 mil empregos diretos no total, ressaltou também que entre os desafios a serem enfrentados estão aumentar o nível de segurança dos voos, o investimento em equipamentos e melhorar a acessibilidade.

“Aeroporto bom não é o que tem shopping bonito, mas sim infraestrutura que garanta segurança para os passageiros, auxílio à navegação, aproximação e pouso”, explicou o presidente do SNA.

Relatório

O senador Flexa Ribeiro pretende apresentar seu relatório hoje na comissão e levá-lo à votação no dia 6 de novembro, para que a MP seja apreciada a tempo pelos plenários da Câmara dos Deputados e do Senado.

A medida provisória perde sua vigência no dia 24 de novembro.

Com informações da Agência Câmara

Recommended Posts

Start typing and press Enter to search