SNA- Aeronautas rejeitam proposta de acordo da Justiça e mantêm apoio à diretoria

26 de agosto de 2015

Em assembleia realizada nesta quarta-feira em São Paulo, Rio de Janeiro e Porto Alegre, a categoria dos aeronautas decidiu não aceitar a proposta de acordo feita pela Justiça do Trabalho com relação a ações que buscam anular as eleições nas quais a atual diretoria do Sindicato Nacional dos Aeronautas saiu vitoriosa, em 2013.

Desta forma, a categoria ratificou a legitimidade da atual diretoria.

A proposta do magistrado, relativa à ação intentada contra o SNA por Marcelo Gularte Brandi (autos 0011677-36.2014.5.01.0017), propunha como acordo cessar o mandato da atual diretoria e convocar novas eleições.

Com a decisão da categoria na assembleia, a diretoria do SNA confirma que convocará eleições ao final da vigência da atual gestão ou em caso de decisão judicial que defina outra data.

Cabe ressaltar que com isso continuam correndo as ações que tentam destituir a diretoria atual, até que o mérito seja julgado.

Além da ação do sr. Brandi, existem outros três processos com o mesmo objetivo, encabeçados por Pedro Gilson Azambuja, Joao Pedro Passos de Souza Leite e Fabiana Oliveira Reis.

A diretoria do SNA agradece aos aeronautas pelo voto de confiança e assegura a todos sua plena consciência da legitimidade da atual gestão, também ratificada em assembleia.

Esse é um momento crucial não só para a atual diretoria do sindicato, mas também para toda a categoria, cuja representatividade poderia ficar em risco.

Recommended Posts

Start typing and press Enter to search